SouBH Notícias

DEER-MG inicia obras de emergência para contenção do muro na BR-356

Depois da retirada de 25 das 29 famílias do local, o órgão iniciou os trabalhos na última quarta-feira

Redação Sou BH - 22/03/18 as 13:44 - Atualizado em 22/03/18 as 15:46

Obras na BR-356
Foto: Daniele Franco/SouBH

Por Daniele Franco

A calamitosa - e obscura - situação da avenida Nossa Senhora do Carmo (no limite com a BR-356), na altura do Trevo do Belvedere, começa a ser solucionada. Ao menos é o que garante o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER-MG), que anunciou o início de obras emergenciais no local. Técnicos começaram, nessa quarta-feira (21), o processo de estabilização do muro - cujo nome técnico é cortina atirantada.

Segundo o órgão, a conclusão desse trabalho faz com que o risco de desabamento caia significativamente. Desde o
último dia 14, mais de 30 moradias e duas pistas em direção ao Belvedere/Rio de Janeiro estão interditadas. O risco de desmoronamento de uma das principais vias da capital mineira tem gerado preocupação nos belo-horizontinos e informações desencontradas.

O departamento reforçou a segurança da via ao alegar que
“a estabilização está sendo constantemente monitorada por equipamentos”, mas não estabeleceu nenhuma previsão para que as intervenções sejam concluídas. De forma simultânea, estão sendo realizados estudos para a realização de outras ações que eliminem completamente a probabilidade de desmoronamento. As faixas continuam interditadas também sem estimativa de liberação.

Na manhã de hoje, o ministro d
a Integração Nacional, Helder Barbalho, visitou a capital mineira, confirmou o estado crítico da estrutura e garantiu agilizar os trâmites burocráticos no âmbito federal. “A partir daqui, vamos enviar essa questão ao Ministério das Cidades para que sejam tomadas medidas tanto de auxílio às famílias quanto de resolução do problema da via".

A Prefeitura de Belo Horizonte foi responsável pela retirada das famílias que estavam em situação de risco. Ao todo, 32 casas estavam ameaçadas, sendo que 29 delas estavam ocupadas. De acordo com o diretor de operações da Secretaria Municipal de Obras Henrique Castilho, a situação que era de responsabilidade da PBH já foi solucionada. “Com muita dificuldade, retiramos as famílias das encostas do muro para que as obras emergenciais pudessem ser feitas, agora os esforços serão concentrados na contenção da estrutura”, afirmou ao 
SouBH.

Confira a nota do DEER-MG na íntegra:

Sobre a ocorrência na rodovia BR-356, na altura do trevo do bairro Belvedere, o DEER/MG informa que nesta quarta-feira (21/03), após a retirada das pessoas e demolição dos imóveis localizados na base da cortina atirantada, o Departamento iniciou, efetivamente, o processo de estabilização do painel crítico do muro de contenção.

A retirada dos moradores era condição essencial para o início dos trabalhos.

A estabilização da cortina atirantada está sendo monitorada constantemente por equipamentos.

Duas das quatro faixas da via, no sentido Rio de Janeiro, permanecem fechadas para garantir a segurança no trecho.

Outras Matérias