Entrada Franca

Reprodução de obra de Miro Bampa
Foto: Reprodução de obra de Miro Bampa

O que escondo só a mim basta

Vai ser inaugurada nesta terça (9), na Casa Fiat de Cultura, a exposição “que escondo só a mim basta”. A mostra, do artista Miro Bampa, é composta por uma série de 30 objetos, no formato de 30 x 20 cm, criados a partir da fragmentação de memórias afetivas do artista.  

A exposição, que tem curadoria de Fabio Cerqueira, fica aberta até 25 de novembro, com entrada gratuita. Às terças e sextas o horário de visitação é de 10 às 21h. Sábados, domingos e feriados o funcionamento é de 10h às 18h.

O trabalho de Miro Bampa está voltado em sempre descobrir novos materiais e novas possibilidades. Oobjetos que integram a exposição, por exemplo, são construídos com a técnica de encáustica: imagens, textos e cartas são misturados com cera de abelha em um bloco de parafina com aproximadamente 1 cm de espessura. A intenção do artista é dar a sensação de página de livros, panfletos ou cartazes, sugerindo a visão de um diário ou algo semelhante, uma forma de registro pessoal.

O artista

Pintor, desenhista e artista experimental, atuando desde 1982, Miro Bampa frequentou os ateliês de Alberto Teixeira, Nazareth Pacheco, Eder Chiodetto e Samatha Moreira. Participou de várias exposições, salões e mostra de artes nacionais e internacionais (EUA, México, Portugal e Alemanha).

Veja também

  • Reportar erro

    Atenção

    Confirme as informações antes de sair, pois os horários, preços e formas de pagamento podem ser alterados sem aviso prévio.