FecharX

Unimed-BH fez uma lista sobre os mitos e verdades das doenças de inverno

Com a queda nas temperaturas, os belo-horizontinos têm sofrido com problemas respiratórios


Créditos da imagem: New Africa / Shutterstock.com
Main por new africa   shutterstock.com
Redação Sou BH
18/07 às 09:30
Atualizado em 18/07 às 09:30

Especial publicitário - Este material é patrocinado* 

Amado por alguns e odiado por outros, o inverno chegou em BH, literalmente, derrubando as temperaturas. Durante este período, é natural o aumento de pessoas com problemas respiratórios, sabe por que? A resposta é simples. Com a baixa da umidade relativa do ar e os termômetros mais baixos, a fixação dos vírus e bactérias é mais fácil no organismo humano. Para ajudá-lo a se prevenir, a Unimed-BH listou uma série de MITOS e VERDADES deste período do ano. Veja!

Manter o corpo agasalhado evita doenças?

MITO. Os especialistas da Unimed-BH explicam que a temperatura corporal não tem relação com doenças de inverno ou respiratórias. O que de fato interfere é a contaminação por vírus e bactérias, muito comuns nesta época do ano, e que se instalam no organismo mais facilmente durante o período mais frio.

Manter-se hidratado contribui para evitar doenças de inverno?

VERDADE. A hidratação, em si, não é suficiente para combater as doenças, mas ajuda a evitar o contágio. É importante ingerir de 2 a 3 litros de líquido por dia, para evitar ressecamentos na pele, narinas e outras partes do corpo. A água é aliada daqueles que estão passando por algum problema de saúde, habitual da estação, e contribui para aliviar os sintomas durante a recuperação.

Pegar friagem causa gripe?

MITO. Assim como citado acima, é importante ressaltar que a temperatura do corpo não é a causa das doenças de inverno. É necessário evitar o contágio ou a propagação de gripes e resfriados.

Descanso e alimentação adequados são formas de cuidado?

VERDADE. Parece frescura, né? Mas, na verdade, descansar e se manter bem alimentado são essenciais para ter uma boa recuperação. Evitar esses cuidados pode agravar a situação e tornar um simples resfriado em casos mais graves.

O uso de vitamina C impede gripes e resfriados?

MITO. Apesar de melhorar o sistema imunológico, a vitamina C não tem a capacidade de curar.

Vacinar uma vez, apenas, contra a gripe é o suficiente para nunca mais sofrer com a doença?

MITO. Devido a mutação do vírus, é importante (e necessário) que as pessoas façam o uso da vacina uma vez ao ano.

É possível pegar gripe ou resfriado logo após se vacinar?

VERDADE. O nosso corpo precisa de duas a três semanas para criar os anticorpos necessários para combater as doenças. Portanto, é comum que uma pessoa que acabou de tomar a vacina da gripe seja contaminada pela doença.

*O conteúdo é de responsabilidade do anunciante

Comentários