FecharX

Prevenção ao câncer de mama é tema do Outubro Rosa

Conheça a iniciativa que nasceu nos EUA e conquistou o mundo



Créditos da imagem: Banco de imagens
Main outubro rosa 20140926180102
Em campanhas passadas, o Palácio da Liberdade recebeu iluminação rosa
Redação Sou BH
16/10/14 às 16:23
Atualizado em 01/02/19 às 18:00

Há quase 25 anos, no mês de outubro, instituições, comunidade média e sociedade estão empenhadas na campanha Outubro Rosa, contra o câncer de mama. A ideia da campanha, que se tornou mundial, começou a ser delineada na primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova Iorque, em 1990. No Brasil, várias atividades serão realizadas para ressaltar a importância da prevenção do câncer que é o segundo mais frequente no mundo e o mais comum entre as mulheres.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), 57.120 novos casos são estimados para este ano em todo o país. Só em Minas, a estimativa é de 5.210 casos novos. Infelizmente, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas. Segundo especialistas, o motivo desse alto índice é o diagnóstico tardio.

A comunidade médica é unânime em dizer que a melhor forma de evitar o tumor é a realização de exames preventivos, pois, se diagnosticado na fase inicial, as chances de cura podem chegar a 90%. Um dos métodos mais eficientes para detectá-lo precocemente, é a mamografia (radiografia das mamas), realizada em um equipamento específico, conhecido como mamógrafo.

O mastologista e presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia – MG, Clécio Lucena, explica que o câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve na mama como consequência de alterações genéticas em um conjunto de células localizadas na mama. Entretanto, a enfermidade, que ocorre principalmente em mulheres, não excluindo o público masculino, é mais comum de se desenvolver a partir dos 40 anos. “Existem alguns fatores que podemos considerar de risco, tanto para homens, quanto para mulheres. Entre eles estão histórico familiar, alimentação, obesidade, sedentarismo e consumo de álcool em excesso”, explica.

Apesar de a doença não ter uma idade definida, o rastreamento por meio do exame mamográfico é recomendado, anualmente, somente a partir dos 40 anos. As mulheres com menos de 40 anos devem realizar outros tipos de exames preventivos, como o autoexame e o acompanhamento com um profissional da área. “Sintomas como o aparecimento de nódulos, mudança no tamanho e forma, saída de secreções claras ou sanguinolentas espontaneamente e feridas na pele podem ser um sinal para procurar um médico o quanto antes”, alerta Lucena.

Em Belo Horizonte, a fachada do ViaShopping Barreiro ficará iluminada com a cor rosa em apoio ao movimento Outubro Rosa. O mall também fará uma ação com entrega de botons e flyer sobre a importância do autoexame e da prevenção para os clientes no dia 1º de outubro. Durante todo o mês de outubro, o Pátio Savassi cobrirá sua fachada da Avenida Nossa Senhora do Carmo com uma iluminação especial e divulgará os posts educativos dentro do mall e em suas redes sociais. A equipe do Pátio também reforçará a ideia, utilizando o laço rosa, um dos símbolos da campanha.

Em homenagem ao Outubro Rosa, a Santa Amália lança uma edição especial do penne de sua linha premium. Intitulada “Speciale Outubro Rosa”, serão aproximadamente 17 toneladas de massa disponíveis nos supermercados e outros pontos de venda durante todo o mês e 1% de sua arrecadação será revertido para o Instituto Neo Mama de Prevenção e Combate ao Câncer de Mama.

Com informações da Zoom Comunicação.

Comentários