FecharX

Tuberculose já matou 13 este ano em Minas

Hoje é o Dia Mundial de Combate à doença, além das mortes, já foram registrados outros 506 casos no Estado.


Créditos da imagem: Motortion Films / shutterstock.com
Main shutterstock 1203029554
Redação Sou BH
24/03 às 09:00
Atualizado em 24/03 às 09:00

Você sabia que a tuberculose é a doença infecciosa que mais mata jovens e adultos no mundo? A enfermidade, causada por uma bactéria que afeta, principalmente, os pulmões, ultrapassa os índices de HIV/AIDS segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

No mundo são registrados, aproximadamente, 9,6 milhões de casos todos os anos, sendo uma morte a cada 21 segundos. Já no Brasil são notificados em torno de 67 mil novos casos, e cerca de 4,5 mil mortes.

Em Minas Gerais, os números também não são animadores. Até o momento, em 2019, foram notificados 506 casos e 13 mortes causadas pela doença. Em 2018, o número chegou a 4.223 casos e 232 óbitos. No total, 549 municípios mineiros tiveram pelo menos um registro de tuberculose no ano passado. 

Sintomas e tratamento

A doença é transmitida de uma pessoa para outra, pelo ar, quando um doente tosse, espirra, canta ou fala mais alto. Seu principal sintoma é uma tosse com duração de três ou mais semanas, acompanhada ou não de febre ao final da tarde, suor noturno e emagrecimento. Qualquer um pode contrair a doença, entretanto pessoas com vírus HIV/AIDS, diabéticos, indígenas, quilombolas e indivíduos em situação de rua ou presidiários são mais propensos. 

Em caso de suspeita ou presença dos sintomas, deve-se procurar atendimento médico. A doença tem cura, e para melhores resultados, é importante que o paciente tome os medicamentos de forma regular e no tempo previsto. O diagnóstico e todo o tratamento da tuberculose são feitos gratuitamente pelo SUS. 

Ações

Para tentar controlar a doença, a Secretária do Estado de Saúde (SES), lançou o Plano Estadual Pelo Fim da Tuberculose, mas não informou quais vão ser as ações contidas no plano e disse que a previsão é de que ele seja implantado ao longo dos próximos quatro anos.

Tags:
  • Secretária do Estado de Saúde (SES)
  • Dia Mundial de Combate à Tuberculose
  • Tuberculose
Comentários

Comentários