FecharX

UFMG consegue 100% de aprovação em 19 cursos dos 23 analisados pelo Enade

As 19 graduações alcançaram nota 5, três tiveram nota 4, e apenas uma obteve nota 3, a menor pontuação da universidade



Créditos da imagem: Lucas Braga - UFMG/ Divulgação
Main 38faaa8ed891e5eef5490025d6edb7c7 15034309271764 1869723087
Redação Sou BH
23/10 às 14:38
Atualizado em 23/10 às 14:38

Um total de 19 cursos superiores de graduação, dos 23 analisados pelo Enade, alcançou conceito máximo na UFMG – Universidade Federal de Minas Gerais. A avaliação foi feita pelo Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais – em 2019 para verificar conhecimento. Os resultados foram divulgados na última terça-feira (20).

Com pontuações variando entre 1 a 5, na universidade, o curso mais bem avaliado foi o de medicina veterinária, seguido por odontologia e medicina. Nas áreas avaliadas, a UFMG não teve nenhuma nota abaixo de 3, sendo o menor desempenho o do curso de Engenharia de Alimentos, que obteve a nota citada. Já os cursos de Engenharia de Controle e Automação, Engenharia Florestal e Zootecnia alcançaram pontuação 4.

Confira abaixo todos os cursos contemplados e suas respectivas notas:

Medicina veterinária – 5

Odontologia – 5

Medicina – 5

Agronomia – 5

Farmácia – 5

Arquitetura e Urbanismo – 5

Enfermagem – 5

Fonoaudiologia – 5

Nutrição – 5

Fisioterapia – 5

Biomedicina – 5

Tecnologia em radiologia – 5

Educação física (Bacharelado) – 5

Engenharia civil – 5

Engenharia elétrica – 5

Engenharia mecânica – 5

Engenharia química – 5

Engenharia de produção – 5

Engenharia ambiental – 5

Zootecnia – 4

Engenharia de controle e automação – 4

Engenharia florestal – 4

Engenharia de alimentos – 3

Nas avaliações gerais, 29 áreas foram contempladas na prova do ano passado, visto que a cada três anos um grupo diferente de cursos é analisado. Das 6.360 graduações avaliadas pelo MEC, as universidades federais conseguiram nota máxima em 342 cursos, e a UFMG segue esse boa confluência.

Para corroborar tal informação, de acordo com o Inep, os resultados são mais positivos nas instituições públicas, que em geral selecionam os melhores alunos com processos seletivos disputados, como o Enem. Dos 1.426 cursos de instituições federais, 5% tiveram as notas mais baixas (1 e 2), 70% ficaram com 3 e 4 e 24% alcançaram notas máximas. Nas estaduais, 11% registraram as notas mais baixas e 16%, a mais alta.

Tags:
  • sou bh
  • belo horizonte
  • ufmg
  • conceito máximo
  • Enade
Comentários

Comentários