FecharX

Saiba quais estabelecimentos podem ser abertos a partir de quinta-feira, em BH

Prefeitura da capital informou que o comércio não essencial volta a funcionar por três dias nesta semana



Créditos da imagem: Luis War/Shutterstock.com
Main shutterstock 1749681911 portal
Redação
05/08 às 08:21
Atualizado em 05/08 às 08:21

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), anunciou que a partir de quinta-feira (6) o comércio não essencial da capital vai voltar a funcionar. De acordo com a PBH,  as lojas poderão funcionar de quinta a sábado (6 a 8 de agosto). A cada três dias abertos, o comércio precisa se manter por outros quatro dias fechados ou seja, se matném fechado de domingo a terça-feira (9 a 11 de agosto), voltando as atividades de quarta a sexta-feira (12 a 14 de agosto).

Confira a lista de atividades que podem voltar a funcionar:

- Comércio varejista não contemplado na fase de controle, são eles: estabelecimentos de rua, centros de comércio e galerias de lojas – funcionam por 3 dias consecutivos e fecham por 4 dias, sempre de 11h às 19h.

- Salões de beleza, cabelereiros, manicures e pedicures – funcionam de quinta a sábado, das 11h às 20h.

- Shopings centeres, centros de comércio, galerias de lojas  – funcionam por 3 dias consecutivos e fecham por 4 dias, sempre de 12h às 20h. Mas atenção: a praça de alimentação não pode ter consumo local e somente poderá funcionar por delivery ou retirada.

- Atividades formato drive-in: funcionam de sexta a domingo, das 14h às 23h.

A prefeitura de BH informou ainda que as fases podem avançar a cada 15 dias, a partir de decretos municipais. Confira quais são as próximas fases:

Fase 2 (sem data)

- Parques públicos

- Bares, restaurantes e lanchonetes

- Museus

Fase 3 (sem data)

- Academia

- Clube

- Clínica de estética

- Eventos (exposição, congresso e seminários)

Tags:
  • sou bh
  • bh
  • isolamento social
  • flexibilização
  • covid-19
Comentários

Comentários