FecharX

Cruzeiro vence e assume a liderança do Mineiro

<p>O time celeste bateu o Villa Nova-MG nesta quarta-feira (5), no Mineirão, pelo placar de 3 a 1</p>


Créditos da imagem: Washington Alves/Light Press
Main 142 cruzeiro
Washington Alves/Light Press
Redação Sou BH
12/08/14 às 10:37
Atualizado em 01/02 às 17:59

O Cruzeiro conquistou, nesta quarta-feira (5), a sua segunda vitória no Campeonato Mineiro, após bater o Villa Nova-MG, no Mineirão, pelo placar de 3 a 1, resultado que lhe assegurou a liderança isolada da competição estadual.

Os gols da Raposa foram marcados por Fábio Fidélis (contra), Dagoberto e Marcelo Moreno. O atacante boliviano, que está de volta ao Cruzeiro, marcou seu primeiro gol após seu retorno.

Na quarta rodada do Campeonato Mineiro, o Cruzeiro enfrenta o América-MG, em jogo que acontecerá no domingo (9), às 17h, no Mineirão.

O jogo

O Cruzeiro começou a partida pressionando, conseguindo a sua primeira finalização com pouco menos de um minuto de jogo. Everton Ribeiro dominou rebote com o peito e finalizou ao lado esquerdo da meta de Bráz.

A resposta do Villa não tardou. Dois minutos depois, o lateral Chiquinho avançou ao ataque e chutou de fora da área para defesa segura de Fábio. Dagoberto deu o troco logo depois, o atacante fintou dois marcadores e chutou, no entanto Bráz, com a ponta dos dedos, mandou para escanteio.

Com 11 minutos, Souza surgiu bem pelo lado esquerdo e rolou para Egídio, que arrematou da entrada da área. O arqueiro espalmou, mas a bola acabou batendo em Fábio Fidélis, que acabou marcando contra: Cruzeiro 1 a 0.

Aos 21 minutos, Mancini cobrou falta pelo lado esquerdo. A bola vai no canto direito e Fábio faz ótima defesa. Três minutos depois, Egídio cruzou com perigo, mas Marcelo Moreno não conseguiu aproveitar.

Com 30 minutos Everton Ribeiro fez bela jogada e rolou para Marcelo Moreno finalizar para o arqueiro adversário faz bela defesa. No minuto seguinte, novamente o centroavante celeste arrisca e Braz novamente salva o Villa Nova-MG.

Dagoberto limpou a jogada, se aproximou da grande área e fuzilou de longe. A bola desviou no zagueiro Welton Felipe e morreu no canto da meta villanovense. A Raposa amplia aos 33 minutos: 2 a 0.

A Villa Nova-MG leva perigo aos 40 minutos. Mancini atrai a marcação e abre a jogada para Ferrugem que chuta por cima do gol de Fábio.

Aos 41 minutos, Everton Ribeiro novamente recebe pela esquerda e faz cruzamento preciso para Marcelo Moreno. O camisa 18 mergulha com estilo e manda a bola para o fundo das redes. Primeiro gol do atacante em sua volta ao Cruzeiro.

Segundo tempo

Com Willian no lugar de Marcelo Moreno, a Raposa começou a etapa complementar mantendo o futebol altamente ofensivo do primeiro tempo. No entanto, quem teve a primeira chance foi o Villa Nova-MG. Aos seis minutos, Léo Mineiro cruzou para área e Paulo Henrique, sozinho, acabou furando.

Cinco minutos depois, Egídio alçou bola na área e Dedé subiu no terceiro andar, cabeceando por cima da meta adversária. Aos 14 minutos, Lucas Silva cobrou falta também por cima do gol villanovense.

Aos 20 minutos, Willian recebeu excelente bola na entrada da área e chutou rasteiro. A bola saiu forte, passando à direita de Bráz. Nove minutos depois Mancini, recebeu o passe de Lucas Sotero, e colocou por baixo do goleiro Fábio, diminuindo a vantagem estrelada: 3 a 1.

A Raposa quase marcou o quarto aos 34 minutos. Everton Ribeiro deixou o seu marcador no chão e cruzou para Willian. O camisa 25 cabeceou no canto e Bráz fez um milagre no Mineirão.

Com 40 minutos, Willian novamente arriscou, mas o goleiro Bráz, bem posicionado, faz outra boa catada.

CRUZEIRO 3 X 1 VILLA NOVA-MG

Motivo: 3ª rodada do Campeonato Mineiro

Data: 05/02/2014 (quarta-feira)

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)

Público: 8.074 pagantes

Gols: Fábio Fidélis (contra) aos 11 minutos, Dagoberto aos 33 minutos e Marcelo Moreno aos 41 minutos do primeiro tempo; Mancini aos 29 minutos do segundo tempo

Cruzeiro

Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Souza, Lucas Silva, Everton Ribeiro e Ricardo Goulart (Júlio Baptista); Dagoberto (Marlone) e Marcelo Moreno (Willian)

Técnico: Marcelo Oliveira

Villa Nova-MG

Bráz; Chiquinho, Welton Felipe, Sidimar e Fábio Fidélis; Ferrugem, João Paulo, Igor (Roger) e Mancini; Paulo Henrique (Lucas Sotero) e Léo Mineiro (Rafael Mineiro)

Técnico: Paulinho Kobayashi

Cartões Amarelos: João Paulo e Chiquinho (Villa Nova-MG)

Comentários