FecharX

Minas Gerais ganha mais um rótulo de cerveja artesanal

Prússia Beer produz 10 mil litros de cerveja por mês, vendidas em barris de 30 e 50 litros


Créditos da imagem:
Main 214859 minas ganha cerveja artesanal
Fernando Cota sócio-proprietário da cervejaria
Redação Sou BH
10/03/15 às 18:50

Por Thaíne Belissa do Diário do Comércio

Já circula pela capital mineira e pelos municípios do Médio Piracicaba, na região Central do Estado, uma nova marca de cerveja artesanal, que promete se destacar pela qualidade de suas receitas. Inaugurada em novembro do ano passado com um investimento de cerca de R$ 1 milhão, a Prússia Beer produz 10 mil litros de cerveja por mês, vendidas em barris de 30 e 50 litros. Agora, o negócio se prepara para o lançamento de uma nova receita, o que deve acrescentar sua produção em pelo menos mais cinco mil litros mensais.

A cervejaria fica em São Gonçalo do Rio Abaixo, na região Central do Estado. Segundo o sócio-proprietário Fernando Cota, a escolha do município levou em consideração a qualidade da água local. "Ter água de qualidade faz muita diferença, pois influencia na bebida e também nas contas do negócio, pois evita gastos com um novo processo de tratamento", diz. Além disso, o empresário afirma que a cidade está se estruturando para crescer e atrair indústrias, o que deve torná-la um polo atraente em pouco tempo.

Como só existe há três meses, a marca oferece apenas uma receita de cerveja até o momento. Trata-se de uma pilsen que leva mais malte que as cervejas tradicionais e tem um amargor acentuado. "A maior quantidade de malte deixa a cerveja mais encorpada e o sabor tem um amargor mais aguçado, que é o diferencial da receita", explica. A marca comercializa a bebida em barris de 30 e 50 litros para distribuidoras, restaurantes e consumidores finais de municípios do Médio Piracicaba e também da Capital.

Cota destaca que uma nova receita já está sendo preparada e deve ser lançada no segundo semestre deste ano. Ele explica que o intervalo entre um lançamento e outro é proposital, pois é necessário testar a aceitação de cada sabor por parte dos clientes, a fim de ter referências para os próximos. A próxima receita será de um chope também tipo pilsen, mas com adição de um ingrediente aromático, que trará uma nova experiência de beber cerveja. "Ela trará um aroma refrescante parecido com a menta, então o consumidor sentirá não só o sabor, mas o aroma da cerveja", diz.

Também está previsto para o segundo semestre o lançamento da cerveja engarrafada. Segundo Cota, o maquinário para a produção da garrafa já foi comprado, assim como o rótulo está em fase de desenvolvimento. Todo esse processo, junto com o lançamento da nova receita, vai custar cerca de R$ 400 mil ao empresário, valor que ele pretende ter retorno em até dois anos. A expectativa é que a nova receita de cerveja aumente a demanda na empresa, que deve passar sua produção de 10 mil litros para 15 mil litros mensais.

O sócio afirma que o principal foco da Prússia Beer nesse momento é a qualidade de seu produto e consolidação de sua marca. Para ajudar na fidelização dos clientes a empresa também está investindo em um aplicativo para relacionamento com os clientes e venda on-line. "O cliente poderá realizar a compra diretamente pelo aplicativo, informando seu pedido e endereço de entrega e realizando o pagamento on-line. Além disso já estamos pensando em funções de interação entre os clientes, como uma rede social", adianta. A ferramente deverá ser lançada em abril. 

Comentários