FecharX

Lojistas do Velho Mercado Novo se reinventam durante quarentena

Além de adaptarem suas vendas para aplicativos de delivery, foram lançadas rifas para sortear produtos locais e outras iniciativas


Créditos da imagem: Papel e Tudo/Acervo Pessoal
Main destaque papel e tudo foto acervo pessoal
Redação Sou BH
04/05 às 09:00
Atualizado em 21/05 às 10:14

Criadas para incentivar a convivência, a boa e velha conversa de boteco e a valorização do que é local, as lojas do 2º andar do Velho Mercado Novo foram pegas de surpresa, assim como mundo todo, pelo fechamento dos serviços não essenciais devido à pandemia do novo coronavírus.

 

Mas não pense que a quarentena levou os lojistas do espaço à nocaute. Enquanto o comércio não pode ser aberto, muitos fazem readequações em suas lojas e também no atendimento a seus clientes, já que agora resolveram aderir ao serviço de delivery pelo Ifood ou Rappi, como fizeram a Alento Sorvetes, a Cozinha Cipó, a Massa Mercado, a Rotisseria Central e várias outras.

 

Outra forma de movimentar as vendas, encontrada pela Charcutaria Tapera, é a promoção de uma rifa, com apenas 60 números disponíveis, que vai premiar 3 ganhadores. O custo de cada bilhete é de R$50 e, ao final, os três sorteados receberão uma cesta contendo vários produtos, como: tábua de madeira exclusiva, peça de bacon, peça de linguiça, caixote decorativa e outros. Mas, os outros 57 números, não sorteados, não ficarão a ver navios, já que o comprador fica com o crédito no valor do bilhete para encomendar produtos da loja.

 

A Biboca Casa de Chás também se juntou à Papel e Tudo para promover gestos de gentileza e carinho aos seus clientes, através do projeto Chá com Afeto. A cada sábado as duas lojas mandam entregar em casa uma cesta de delícias caseiras, como bolo, biscoitinhos amanteigados para acompanhar os muito tipos de chá comercializados pela Biboca. Mas os produtos não são entregues simplesmente, eles vão acompanhados de cartões cheios de palavras de ânimo e frases carinhosas para motivar as pessoas a permanecerem em isolamento social. 

 

Algumas lojas, cujos produtos não são de alimentação, continuam atendendo seus clientes via Instagram e pelo Whatsapp. É o caso da recém-inaugurada Moon Ótica, e de outras empresas como Adoleta, Fábrica de Chocolates; Belle Époque; Estúdio Veste, Made in Beagá e outras.

Tags:
  • quarentena
  • reinventar
  • velho mercado novo
  • sou bh
Comentários

Comentários