FecharX

CCBB amplia atividades do programa Educativo

Há programações diferenciadas para crianças, adultos e portadores de necessidades especiais


Créditos da imagem: Divulgação
Main 2280 centro cultural banco do brasil 20141003205017
CCBB oferece atividades especiais em seu programa Educativo
Redação Sou BH
20/01/15 às 17:07
Atualizado em 01/02/19 às 18:00

Por Débora Gomes jornalista Sou BH

Um dos espaços mais interessantes do Circuito Cultural Praça da Liberdade é o Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB BH (Praça da Liberdade, 450 – Funcionários). Pouca gente sabe, mas além de exposições e teatro, o espaço também abre suas portas para a música e o cinema e, recentemente, ampliou as atividades de seu Programa Educativo, conciliando aprendizado e diversão.

O CCBB trabalha, de acordo com o coordenador do CCBB Educativo BH, Alexandre Diniz, pautando-se pelo conceito de museus de portas abertas, ou seja, visando aproximar o público do espaço e das obras, investindo na troca de informações. “O propósito é que o visitante se sinta parte do museu, sem constrangimentos”, conta.

Para deixar isso ainda mais evidente, o Programa Educativo ganhou mais horários para suas atividades devido à grande procura do público. “Hoje temos capacidade para atender três escolas no turno da manhã, quatro escolas no turno da tarde e dois grupos agendados à noite, ou seja, nove grupos por dia”, explica. Dentre as atividades do Educativo, estão as visitas mediadas, os laboratórios de ações criativas, os projetos Musicando e Estação Bohemia, as Visitas Teatralizadas e as famosas contações de história. Tudo em sintonia com as exposições em cartaz no Centro Cultural.

E engana-se quem imagina que as atividades são apenas para crianças. Os educadores do projeto preparam diferentes abordagens para cada tipo de público que, conforme indica Alexandre, é bem amplo. “Crianças, adultos, idosos, grupos familiares, escolas da rede pública e particular, grupos de terceira idade, creches, ONGs, grupos de pacientes de hospitais e clínicas, grupos de colegas, grupos com necessidades especiais. Cada grupo e pessoas receberá um enfoque diferente, de acordo com sua realidade”, explica, contando ainda que é desenvolvido um trabalho para visitantes cegos, com réplicas táteis, composição de paisagens sonoras e atendimento em Libras.

Toda a programação oferecida pelo Educativo é gratuita. “Esse é um passo importante para a acessibilidade e democratização dos bens culturais”, avalia Alexandre. De acordo com Daniela Chindler, coordenadora do Educativo nos CCBBs do Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e Belo Horizonte, as contações de história são as mais procuradas pelos mineiros. “Mineiro adora contar caso. Depois que a atividade acaba, as pessoas sempre procuram os educadores para continuar outra história”, brinca.

O CCBB funciona todos os dias, exceto às terças-feiras, de 9h às 21h. O agendamento para as atividades do Programa Educativo deve ser feito pelo telefone (31) 3431-9440.


Comentários