FecharX
Créditos da imagem:

O restaurante Jerimum, apesar de possuir apenas 12 mesas e capacidade para 60 pessoas, apresenta um menu diferenciado e eclético, que varia de acordo com o fim de semana.

A intenção é criar uma ?cozinha de autoria?, com pratos rústicos, de forte influência asiática, e do movimento Slow Food. Por isso, frituras, muita gordura e carne vermelha não entram na cozinha do chef e proprietário Rommel Couy.

Embora seja modesta, a carta de vinhos tem bom gosto, com vários rótulos portugueses, chilenos, argentinos e espanhóis.

Localizado em Macacos, a cerca de 30 km de Belo Horizonte, o restaurante funciona na casa do dono, e abre apenas nas sextas, sábados e domingos, e também nos feriados. A comida divide espaço com livros, música, lareira e informações turísticas sobre a região e o mundo.

Continua depois da publicidade
Reportar erro
Encontrou algum erro? Informe para a gente.