FecharX

Museu de Artes e Ofícios

Museu de Artes e Ofícios - Centro

Créditos da imagem:

Inaugurado em 14 de dezembro de 2005, o Museu de Artes e Ofícios (MAO) de Belo Horizonte é o primeiro da América Latina dedicado integralmente ao tema do trabalho, das artes e ofícios. Com 9.000 m² de área, o museu está instalado na zona cultural da Praça da Estação. No mesmo local funcionam ainda hoje uma estação de metrô e um ramal ferroviário.

O visitante faz uma fascinante viagem no tempo. São mais de duas mil peças dos séculos XVIII ao XX, utilizadas nas mais variadas profissões, onde se pode entender toda a riqueza e a evolução do trabalho.

A coleção que deu origem ao Museu de Artes e Ofícios (MAO) foi iniciada há cerca de 50 anos pelo engenheiro Flávio Gutierrez, pai de Angela Gutierrez, idealizadora do Museu e Presidente do Instituto Cultural Flávio Gutierrez. Ao longo dos anos, as peças reunidas passaram por um processo de restauração, conservação e pesquisa, investimento da própria colecionadora.

A coleção constituída foi doada ao patrimônio público em 2005, quando da abertura do Museu de Artes e Ofícios, e tornou-se acessível a grande e diversificado público, em um espaço histórico localizado na região central de Belo Horizonte, o que favorece sua visitação.

Após a abertura ao público, novas peças vêm sendo incorporadas ao acervo por meio de doações dos visitantes e interessados. Para tanto, foi estruturada uma política de doação que vem favorecendo essa ampliação do acervo. Atualmente, o acervo do Museu se encontra em processo de tombamento pelo IPHAN - Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

Informações: Taxa de entrada: a consultar (às quartas e quintas-feiras, após 17h, e aos sábados, gratuito). Escolas públicas e ONGs - entrada gratuita - somente com agendamento prévio pelo telefone (31) 3248-8600 ou via site. Escolas particulares - meia entrada - somente com agendamento prévio pelo telefone.

Continua depois da publicidade
Reportar erro
Encontrou algum erro? Informe para a gente.