FecharX

#OcupaLaMovida - Leitura Dramática e Micropeças

La Movida Microteatro - Bar

#OcupaLaMovida - Leitura Dramática e Micropeças

Evento encerrado

Data

16/05 até 16/05

Qui | 19:00

Qua, Qui, Sex, Sab | 19:30 - 21:20


Créditos da imagem: Fernando Prates

O La Movida Microteatro Bar abre as portas para o Corredor Latino-Americano de Teatro (CLT) com a leitura dramática do texto Pedazo de Tierra, da mexicana Marina de Torres, nesta quinta-feira (16), a partir das 19h, na série #OcupaLaMovida.

A ação é uma das atividades do CLT, que promove encontros entre diretoras e diretores de teatro nacionais e internacionais para executarem leituras dramáticas ou pré-montagens de textos selecionados anualmente. O programa é um grande apoiador no intercâmbio de produções dramatúrgicas e manifestações artísticas entre Argentina, Brasil, Colômbia, Espanha, Chile e México.

A leitura do texto vai contar com a participação dos atores Cristiano Diniz, Raquel Pedras e Tina Dias, do Grupo Armatrux, além de Carolina Correa, Cora Rufino, Cristiano Araújo e Stephanie Cunha. A entrada é gratuita. 

A programação das micropeças no La Movida acontece normalmente após a realização do #OcupaLaMovida. Do dia 15 a 25 de maio, sempre de quarta a sábado, a partir das 19h30, a casa recebe as três peças de curta duração: Diálogos Heroicos, da Miúda Cia.; Real Sex da Casa Mascate Cultura de Rede; e Atendendo a Pedidos, do Grupo Teatro Invertido.

Os ingressos para cada sessão custam R$10 e são vendidos exclusivamente na bilheteria do espaço.

Confira a programação:

- Diálogos Heroicos, com Marina Tadeu e Vanessa Machado, da Miúda Cia. Horários: 19h30, 20h15 e 21h.
- Real Sex, com Alessandra Carneiro de Mendonça, da Casa Mascate Cultura de Rede. Horários: 19h40, 20h25 e 21h10.
- Atendendo a Pedidos, com Robson Vieira, do Grupo Teatro Invertido. Horários: 19h50, 20h35 e 21h20.


Tags:
  • Corredor Latino-Americano de Teatro (CLT
  • teatro
  • artes
  • leitura dramática
  • La Movida Microteatro Bar
Reportar erro
Encontrou algum erro? Informe para a gente.