FecharX

Festival Mundial de Circo

Evento encerrado

Valor entrada

  • 30 Inteira
  • 15 Meia

Data

24/08 até 24/08

Sab | 21:00

25/08 até 25/08

Dom | 19:00

27/08 até 29/08

Ter, Qua, Qui | 09:00 - 12:00

31/08 até 31/08

Sab | 21:00

01/09 até 01/09

Dom | 19:00


Créditos da imagem: ManuGo Photography LOW

De 24 de agosto a 1º de setembro o Festival Mundial de Circo realiza sua 19ª edição em BH. Neste encontro, o festival tem o objetivo de incentivar e criar visibilidade para os artistas belo-horizontinos, além de realizar a Mostra de Cenas Circenses que reúne diversos artistas de diferentes áreas e países em um único espetáculo.

 

No primeiro final de semana o palco vai ser tomado por artistas brasileiros e argentinos para a estreia da Mostra de Cenas Circerses sob a direção de Chico Pelúcio. Já no segundo final de semana vai ser a vez de Mira Ravald e Luis Sartori do Vale combinarem circo, dança, música ao vivo e artes visuais em Portmanteau. Ao longo da semana acontece ainda a Oficina de Acrobacias com Pedro Sartori.

 

Em continuidade a longa parceria com o Galpão Cine Horto, o festival segue este ano com sua programação de espetáculos no espaço. Os ingressos custam R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira) e podem ser adquiridos no próprio dia e local da apresentação, ou no site.

 

Confira a programação completa:

 

Mostra Cenas Circenses

24 e 25 de agosto; sábado, às 21h e domingo, às 19h.

Local: Galpão Cine Horto

Artistas circenses do Brasil e da Argentina se encontram com seus pares da música, poesia e dança de BH para juntos com o diretor Chico Pelúcio mergulharem nas experiência das Cenas Circenses. O espetáculo inédito foi construído a partir de materiais recebidos por meio de chamamento público e que, sob o olhar do diretor, ganharam forma e potência.

 

Integram o espetáculo as cenas:

 

Parada de Mão – com Helder Vilela 

Sempre que está em processo criativo Helder faz um “auto estudo” do seu corpo e uma análise de tudo que já vivenciou. Busca em suas criações colocar seus sentimentos e experiências, transitando entre o circo tradicional e o contemporâneo.

Técnica: Parada de Mão

 

Duavesso – com Pedro Sartori e Philippe Ribeiro

Duavesso é um encontro entre dois acrobatas que interagem entre si com deslocamentos e acrobacias em planos verticais. A dupla explora as possibilidades de expressividade dos movimentos, jogando com o risco da altura, executando movimentos de quedas, figuras estáticas e evoluções dinâmicas.

Técnica: Mastro Chinês 

 

Abrna – Cia. Garúa com Ile Pastorino e Pablo Zuccolo

Pablo e Ile têm uma longa carreira artística com passagem por grandes companhias como o Cirque du Soleil e o Han Show Theater na China. Nesse número, a dupla ultrapassa os limites da técnica para encontrar uma linguagem própria, convidando o espectador a desarmar-se e gozar a viagem.

Técnica: Força capilar

 

Teoria de Tudo - Coletivo Instrumento de Ver com Júlia Henning

Como se comunicar a partir do corpo? Teorias inventadas sobre questões que nos movimentam são colocadas como experiências no corpo da artista. Transitando entre o circo e a dança, Julia Henning traz para a cena a curiosidade e a vontade de entender tudo ao mesmo tempo, usando as coisas que estão ao seu redor. A criação evoca as relações entre todas essas coisas para evidenciar a fragilidade e o risco das relações.

Técnica: Equilíbrio, dança e poesia

 

Espetáculo Portmanteau – com Mira Ravald e Luis Sartori do Vale

31 de agosto e 1 de setembro; sábado, às 21h e domingo, às 19h.
Local: Galpão Cine Horto

Portmanteau é uma mistura linguística de palavras, na qual partes de várias palavras e seus significados são combinados em uma nova palavra. O espetáculo combina circo, dança, música ao vivo e artes visuais.

A performance explora temas de conexão e interação através de momentos de encontro e desmembramento. A nostalgia lúdica e a interação imediata entre os retroprojetores e os artistas, combinadas com uma nova abordagem de suas habilidades técnicas, criam um ambiente visual puro e dinâmico.

Oficina Acrobacia - com Pedro Sartori do Vale (vagas esgotadas)
27, 28, 29 de agosto; das 9h às 12h
Local: Brava Escola de Circo

Pedro começou o circo com a idade de 14 anos. Mudou-se para a Bélgica, onde se formou na École Supérieure des Arts du Cirque, ESAC, em 2011. Especializado em Mastro chinês e acrobacia, Pedro trabalha sempre em diversos projetos, espetáculos, festivais e companhias. Em 2019 inaugura a Brava Escola de Circo, do qual é fundador e diretor. A oficina tem como público alvo iniciados em acrobacia.

Sobre o Festival

 

O Festival Mundial de Circo é realizado em BH e em cidades do interior de Minas Gerais desde 2001. Seu grande diferencial é a diversidade e a multiplicidade de linguagens e estéticas que o próprio circo oferece. Essa característica faz do festival um evento plural que atinge todas as idades e classes sociais.

Ruas, praças, teatros, espaços urbanos, comunidades rurais e, claro, a lona de circo, já foram palco e picadeiro ocupados pela arte circense durante o Festival Mundial de Circo. Na plateia, jovens e adultos, idosos e crianças.

Em suas dezoito edições – de 2001 a 2018 – o festival contou com a participação dos maiores nomes do circo mundial, como o circo americano Ringling Bross e o internacionalmente conhecido Cirque du Soleil, além de artistas e grupos de diversos países, entre eles Argentina, Uruguai, Austrália, Canadá, Estados Unidos, China, Kênia, Ghana, Rússia, França, Portugal, Inglaterra, Itália, Bélgica, Espanha, Cuba e de todas as partes do Brasil.

Pontos de venda


Tags:
  • gratuito
  • cultura
  • arte
  • circo
  • bh
  • Festival Mundial de Circo
Reportar erro
Encontrou algum erro? Informe para a gente.