SouBH Notícias

PBH pretende quadruplicar ciclovias até 2020 e limitar a velocidade em vias da Savassi

Plano Diretor prevê mais de 100 ações e medidas de incentivo ao uso de bicicletas

Redação Sou BH - 08/08/17 as 14:33 - Atualizado em 14/08/17 as 16:30


Reprodução Flickr PBH

Baixo custo, não poluente e contribui para a diminuição do fluxo de trânsito, as bicicletas podem aparecer com mais frequência nas ruas da capital nos próximos anos. A Prefeitura de Belo Horizonte aprovou um plano que prevê a criação de mais ciclovias e medidas de incentivo para os ciclistas. O objetivo é chegar a 411 Km de rotas até 2020 e limitar algumas vias da cidade a 30 Km/h.

Atualmente, BH possui 37 ciclovias espalhadas pelas sete regionais. São cerca de 83 Km exclusivos para o trânsito de bicicletas. Porém, muitas áreas precisam de manutenção ou não atendem ao número de ciclistas da capital.

O Planejamento

A partir do Plano Diretor de Mobilidade Urbana (PlanMob - BH), a PBH prevê a expansão dessas rotas já existentes, além de mais de 100 ações de incentivo ao uso de bicicletas. Atingir 411 Km até 2020 é o principal objetivo. Mas outras medidas serão implantadas, como a manutenção do programa Pedala BH da BHTrans que promove facilidades para os belo-horizontinos que optarem por bicicletas. Além disso, serão instalados novos bicicletários pela capital e a manutenção das ciclovias já existentes.

O projeto Zona 30 também fará parte do pacote completo de ações, uma medida que limitaria a velocidade de determinadas vias da capital a 30 Km/h, o que facilitaria a divisão de espaço entre carros e ciclistas. A primeira zona ficaria na Savassi, englobando a área entre as Avenidas Brasil, Getúlio Vargas, Afonso Pena e Cristóvão Colombo.

O Plano de Mobilidade por Bicicleta faz parte do PlanMob e tem previsão de passar por audiência pública até o fim de agosto.  Aprovado pelo prefeito Alexandre Kalil em julho, o plano integra o projeto que visa garantir que até 6% do deslocamento em BH seja feito por meio de bicicletas, além de promover uma cultura do uso das magrelas como o principal meio de transporte.

Outras Matérias