Matérias

Séries de TV para começar a assistir agora

O Sou BH listou 6 séries de TV que não podem ficar de fora da sua programação.

Redação Sou BH - 17/03/15 as 17:14 - Atualizado em 16/07/15 as 15:43

Série de TV Orphan Black
Mistérios envolvendo clones e mutações genéticas são o tema de Orphan Black. Foto: BBC America

Por Pedro Matos, colaborador do Sou BH

As séries de TV ficaram muito populares nos últimos anos. Hoje, em toda conversa, seja numa roda de amigos, no trabalho ou na faculdade, sempre surgem os assuntos sobre os melhores “seriados”. Desde a saudade que sentimos de “Friends”, até as questões “filosóficas” do final de “Lost”, as séries estão por toda parte. 

A busca por novas séries para assistir nunca é fácil, mas o Sou BH escolheu seis novas produções que já estão roubando a cena nas telinhas. Tem drama, ação, suspense e comédia em um prato cheio para os amantes dos seriados.

"Orphan Black"

Sarah tem sua vida virada de cabeça para baixo quando, no metrô, encontra-se com uma mulher idêntica a ela, que se joga nos trilhos e se mata. Sarah vê uma oportunidade ao tomar a identidade de sua “irmã gêmea”, e logo se vê rodeada de mistérios e conflitos quando encontra outras mulheres parecidas com ela. Sarah descobre que suas “irmãs”, na verdade, são clones. A série já tem duas temporadas e a terceira está programada para estrear em abril.


"How to Get Away With Murder"

Ambientada em uma conceituada universidade de Direito nos EUA, onde a famosa e temida advogada de defesa, e professora Annelise Keating (Viola Davis) leciona. Cheia de mistério do início ao fim, envolvendo os personagens a cada episódio, a série mostra um caso de homicídio e como a advogada e seus cinco melhores alunos ajudam a resolvê-los. Tudo fica mais tenso quando esses melhores alunos se envolvem em um assassinato. Da mesma produtora de "Grey’s Anatomy" e "Scandal", a série é eletrizante, cheia de suspense, mistério e drama. 


"Unbreakable Kimmy Schmidt"

A série de comédia conta a história de Kimmy, uma mulher que ficou aprisionada por 15 anos em uma caverna com outras três mulheres. Elas foram enganada por um pastor de uma seita, que lhe disse que a terra havia sido destruída e o apocalipse havia acontecido. Conhecidas como “Mulheres Toupeiras”, elas são libertadas e Kimmy, ao saber da verdade, resolve viver sua vida e recuperar o tempo perdido. Nisso, ela vai morar em Nova York, com um pseudo-cantor gay extravagante e trabalhar para uma perua, que tem um filho mimado e uma adolescente que a odeia. A série é criada e produzida por Tina Fey, mesma de "30 Rock" e "Meninas Malvadas".


"Better Call Saul"

O spin-off (série derivada) da famosa e premiada "Breaking Bad", conta a história do advogado Saul Goodman, seis anos antes dos acontecimentos de "Breaking Bad". Na série, Saul ainda era Jimmy, um advogado fracassado, que não tem prestígio nem contatos e trabalha numa firma com nenhum conceito no mercado. Podemos ver como que o pequeno Jimmy se tornou o grande Saul, com rostos familiares de alguns personagens da série que lhe antecedeu. A série usa a mesma fórmula de sua sucessora, com muito drama e umas doses de humor negro.


"Vikings"

Quem gosta de "Game of Thrones", com certeza vai adorar essa série. A produção é baseada na história real de Ragnar Lothbrok e as expedições de seu bando pela Europa. Assinada pelos criadores de “The Tudors”, a série faz parte da programação do History Channel e é um prato cheio para que gosta de ação, drama e muitos efeitos especiais. A série já está em sua terceira temporada.


"The Returned"

Para quem gosta de suspense e drama, a recém-lançada "The Returned" é a escolha certa. A série é uma adaptação de um dos seriados de maior sucesso na França, “Les Revenants”, e conta o drama de uma pequena cidade onde algumas pessoas voltaram a vida, sem nenhuma explicação e nem sequer sabiam que estavam mortos. Como essas pessoas irão se adaptar a sua nova vida? Essa é a pergunta e o conflito central do seriado, que está sendo disponibilizado no Netflix desde o dia 10 de março.


Outras Matérias