Matérias

BH mais doce e fofa: grafites de Bolinhos dominam os muros da capital

As ruas ficaram mais alegres desde que os cupcakes animados invadiram a cidade

Redação Sou BH - 21/09/16 as 11:00 - Atualizado em 23/09/16 as 11:21

Maria Raquel é a autora dos grafites de cupcakes. Foto: Divulgação

Selva de pedras: assim a maioria das cidades grandes são popularmente conhecidas. Mas, no meio das edificações de concreto e metal, surgem algumas ilustrações bem coloridas e doces, que desde 2009 alegram as ruas de BH. Os Bolinhos de grafite interpretam todos os ícones de uma sociedade moderna: tem funkeiro, garçom, líder de torcida, cientista, nadador, mágico e até pirata espalhados pela cidade toda.

Os cupcakes grafitados nos muros e paredes da cidade são obra da artista Maria Raquel, que por gostar de cozinhar e confeitar, escolheu os bolos de caneca para ilustrar sua arte e representar os personagens do nosso cotidiano. A ideia surgiu ao observar os grafites da capital e foi incentivada pelo marido da artista, que já era grafiteiro.

Raquel começou sem nenhuma técnica, apenas com o simples risco de spray que deu forma ao Bolinho. Ao longo do tempo, os traços mudaram, ganharam espaço e fama na capital. Mas, ainda assim, alguns trabalhos foram apagados. “Não é bom ter apego pelos desenhos, não tem como saber até quando ele vai ficar ali”, explica a artista.

A escolha do desenho não tem hora nem dia marcado, as ideias podem surgir no meio do trânsito ou em casa e logo Raquel esboça em um rascunho seu próximo Bolinho. O local é definido em um “click”, uma espécie de encaixe perfeito: “Vejo um lugar e logo já sei qual bolinho ficaria ótimo ali”, revela Raquel. Para finalizar o trabalho, a artista leva longos e dedicados 40 minutos, aproximadamente, na pintura do novo grafite.

Além de criar uma identidade visual pela cidade, o objetivo de Raquel nunca foi ganhar fama, por isso mesmo, as assinaturas nos grafites não levam seu nome, e sim, o dos Bolinhos.

Hoje, são 190 cupcakes diferentes adoçando quatro regiões de Belo Horizonte, que ganharam até um mapa para os admiradores localizarem os bolinhos. Veja abaixo.

Os desenhos em grafite caíram tanto no gosto dos belo-horizontinos, que Raquel criou uma loja online com canecas, quadros, almofadas, adesivos e camisetas estampadas com os cupcakes animados.  O novo negócio foi reforçado pela vontades das pessoas em levar um objeto com a cara dos Bolinhos.


Outras Matérias